Vamos falar sobre Mega Powers




Apesar de ser pouco popular aqui no Brasil, os Tokusatsus criaram uma legião de fãs desde que deram as caras pela Manchete e concorrência. Na maior parte da vezes, é a Nostalgia da época que deixa o gênero tokusatsu não se extinguir do Brasil. A maioria dos fãs  curtiam Jiraya, Jaspion, Kamen Rider Black RX ou Ultraman Tiga (na Record), que chegaram a dar as caras no final da década de 90 e inicio de 2000, mesmo depois do fim da Manchete. Alguns ícones são bem conhecidos como: Ultraman, Jaspion, Spectreman, National Kid, Changeman, Godzilla, o recente Ryukendo, e é claro, Power Rangers.

Esse ultimo (apesar de não ser tão original quanto acham) é exibido até hoje e praticamente roubou a cena dos originais Japas - sem contar que fechou a mente de muita gente. Só que do mesmo jeito que ele se inspirou no Tokus originais, também gerou concorrentes que tentaram repetir a mesma fórmula, e um desses concorrentes é Brasileiro e oficial.

Vamos fazer as apresentações

Produzido pela empresa carioca Intervalo produções, Mega Powers (achei o nome tosco, mas vamos pensar, qual é a tradução de Changeman?!) é um Sentai Brasileiro que acabou passando desapercebido por muita gente.

A história fala de Megray, um alienígena transmórfico que após ter seu planeta destruído pelos malvados Mologs viajou até o planeta Terra para salvá-lo. Recrutando três terráqueos: Heitor (Mega Power vermelho), Alan (Mega Power azul) e a bela Brenda (Mega Power amarela - a única que se salva na série). Os três foram treinados e ganharam uniformes (O "morfador" da vez são 3 cristais) para combaterem os Mologs, se tornando os Mega Powers. Os monstros são chamados de bestialis  (pessoas transformadas em mutantes feitos de qualquer elemento químico ou natural). o Robozão da equipe é o gigante robô Mega Power (que apesar de feito em CG meio pobre, tem um visual legalzinho). No sexto episódio, aparece o Mega Power Black. No Total foram 6 episódios e depois a série foi cancelada.


O gigante guerreiro Mega Power, até que é legalzinho


A idéia era levar tudo para a televisão (com um monte de kamen riders, Ultraman, Garo e tudo mais sendo rejeitado, por que raio eles  acharam que alguém iam querer uma copia bem pobre de Power Rangers?), só que  a estrategia foi por água baixo. Foi lançado um DVD pela Vídeo Brinquedo, que apesar de ter nomes em seu catálogo como Sonic X,  o desenho antigo do Super Mario Bros, contos infantis e desenhos antigos, a empresa é conhecida por fazer clones de sucessos mundiais como carrinhos (de Carros da Disney), e GladiFormers (preciso dizer mais).

O canal online WTN passou a exibir os episódios semanalmente dentro do bloco Dogmons Show na época, apresentado por uma mistura de cachorro com abelha chamada Beedog. Os episódios estão divididos e podem ser vistos no site da WTN, então, quem tiver coragem  :p.

 Pode ser ruim, mas merece respeito


Alguém tem uma idéia de quantos fãs de Tokusatsu tentaram cortar os pulsos quando isso aqui surgiu? alguns pontos positivos existem, como o fato de Megray aparecer do nada no estilo mestres dos magos (deve ser falta de grana para fazer um QG), o fato do bestialis serem pessoas com algum problema que os tornam maus e acabam caindo na mãos do Mologs (ao estilo Zodiart de Kamen Rider Fourze). 

Porém, apesar dos pontos positivos, o negócio continua bizarro (o visual é uma mistura de Ultraman + super sentai + chamem um exorcista porque é o demônio)  a historia é clichê, as lutas não são coreografadas, efeitos especiais de primeira geração (primeira mesmo, lá na pré-historia) e tramas pouco trabalhadas, mas ainda merece um pouco de crédito, sabe porquê? A série foi criada para entreter crianças,  coloca alguém com 4 anos assistindo isso e ela não terá o mesmo senso crítico que os adultos. E quanto aos tokusatsus oficiais japas ou até mesmo as copias americanas, o orçamento e a tecnologia são bem maiores - Toei, Disney, Tsuburaya, Fox, etc, acha que esses nomes são fracos?!. 

De nostálgico e bem feito, Mega Powers não tem nada, só que da para divertir em certo ponto (se você tiver 4 anos). Não adianta exigirmos da produção, já que também tem alguns tokusatsus bem ruins feitos no Japão e mesmo para as grandes e bem sucedidas franquias,(Kamen Rider, Metal Heroes, Super Sentai e Ultraman) também tem gente que não gosta, até mesmo no Japão. Mas não dá para negar, Mega Powers deixou muito a desejar e o fato de ser produção infantil não justifica isso, ou seja, o treco ainda é ruim, mas tem quem gosta - ou não :d.


A abertura
Clipe

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...